segunda-feira, 17 de julho de 2006

Um separados que é quase uma homenagem a um filme manhoso que marcou os 80's























Robocop, realizado Paul Verhoeven (1987), história sobre um policia que foi ferido em serviço, e já moribundo, é transformado por uma equipe de cientistas num cyborg, meio homem meio robot, a quem assomam frequentemente memórias passadas
vs.
Viggo Mortensen, actor meio norte-americano, meio dinamarquês, e que toda a gente conhece do The Lord Of The Rings, em que fazia de Aragorn


3 comentários:

Ron disse...

O facto de seres o mais regular postador de separados pouco imaginativos não te concede o direito a atirar as bardas que entenderes a cinema de bom nome. Se o primeiro robocop é manhoso, então tenho a impressão de que o 80's estará errado e que te estivesses a referir à pastelada que é o senhor dos anéis. As sequelas do robocop são realmente péssimas (o 3 foi vaiado aquando da sua exibição no cine-estúdio ericeira), mas o primeiro ainda é uma pequena maravilha do cinema de acção / sci-fi da década de 80.

João disse...

tomem lá mais uns gemeos
isto foi o k deu beber uma garrafa de cardhu e começar a cantar o mitico " Na cabana".Abraço


http://mouronacosta.wordpress.com/files/2006/03/jose_cid_nu.jpg

http://www.hi5.com/friend/profile/displayMyGallery.do?userid=7443190&pic=0

PCF disse...

:)